A Terapia da Fala é uma especialidade terapêutica que atua na prevenção, na avaliação e no tratamento de todas as perturbações da comunicação humana oral e escrita, assim como nas alterações ao processo normal de mastigação ou deglutição, difluências, alterações da estrutura e função da musculatura orofacial. Tem como objetivo promover a eficácia comunicativa das pessoas no meio social, educacional e profissional, atendendo às caraterísticas do indivíduo e do meio envolvente. 

O Terapeuta da Fala avalia indivíduos de todas as idades, desde recém-nascidos a idosos, tendo como objetivo, melhorar a qualidade de vida do paciente.

 

Situações mais usuais para recorrer à terapia da fala:

Adultos: traumatismos cranianos, Acidentes Vasculares Cerebrais, às Doenças de Parkinson ou Alzheimer, gaguez, problemas de leitura e de escrita, alterações da linguagem e da fala, que necessitam da atuação de um terapeuta para serem superadas. Ex: Cantores, telefonistas, professores ou outros profissionais que utilizem a voz como instrumento de trabalho, estão mais sujeitos a manifestarem sintomas de rouquidão e afonia, os quais podem provocar graves alterações na voz.

Crianças: As situações mais recorrentes são ao nível da comunicação, linguagem e fala. As crianças que apresentem dificuldades em comunicar tendem em recorrer a gestos e símbolos para se manifestarem. O adulto deve reconhecer que a criança apresenta um vocabulário reduzido para a idade, com dificuldades ao nível da fonologia, morfologia, sintaxe, semântica e, principalmente, na construção de frases.

 

Back to Top